25/07/16

Dia de São Cristóvão, Padroeiro de Ovar


A bênção do novo altar da Igreja Matriz da cidade vareira, fruto de generosas dádivas dos paroquianos, marcou de modo singular a celebração da festa do nosso Padroeiro, São Cristóvão, presidida pelo novo Bispo-Auxiliar do Porto, D. António Augusto de Azevedo (na foto), que pela primeira vez aqui se deslocou, no exercício das suas funções episcopais.






Fotos - Jornalista Fernando Pinto

22/07/16

O novo altar da Igreja Matriz de Ovar

Já se encontra no seu lugar, à entrada da capela-mor, o novo altar celebrativo da Matriz de Ovar, vindo da oficina de Mário Pereira, de Braga, condizente com o ambão que o mesmo artista há pouco executou, em harmonia com o estilo barroco dos principais altares do templo.


Dado que decorreu com êxito a campanha aberto para esta obra – tal como haviam decorrido, no ano passado, os apelos para a limpeza do trono da igreja e para a aquisição do novo ambão –, e havendo duas ofertas de generosidade invulgar, foi decidido restaurar o Círio Pascal, de forma a condizer com o altar e o ambão, e as cortinas puídas das janelas, ficando ainda uma verba para aplicar no altar do Imaculado Coração de Maria, cuja imagem, esculpida segundo indicações da Irmã Lúcia, está ligado às aparições de Fátima, cujo 1.º centenário se comemorará em maio de 2017.

21/07/16

Vigararia Espinho/Ovar em Barcelos

Comemorando-se em 21 de julho os 25 anos da Ordenação Sacerdotal do Padre José Fernando Alves Carneiro, Pároco de Válega e de S. Pedro de Ovar, quiseram os seus colegas da Vigararia de Espinho/Ovar manifestar-lhe o seu apreço e a sua amizade promovendo um dia de convívio e de comunhão fraterna.



Este objetivo concretizou-se durante uma visita a Barcelos, onde, na Igreja Matriz, foi celebrada Missa de Ação de Graças presidida pelo Bispo-Auxiliar do Porto D. António Augusto Azevedo, a que se seguiu um almoço convívio e uma visita à zona histórica da cidade, com destaque para o centro cívico – Câmara Municipal e monumento ao antigo Bispo do Porto D. António Barros, natural do concelho ­­–, bem como à emblemática Igreja do Bom Jesus da Cruz, que este ano serve de Igreja Jubilar, e à imponente torre medieval.




20/07/16

Arautos do Evangelho na Misericórdia de Ovar


Em 20 de julho, os utentes da Santa Casa da Misericórdia de Ovar receberam a visita de um grupo de elementos leigos do movimento “Arautos do Evangelho”, que ali promoveram um ato devocional, seguido da Eucaristia, celebrada pelo Pároco de Ovar.


19/07/16

Convívio do Clero da zona sul da Diocese


No passado dia 15 de julho os párocos da Vigararia Espinho/Ovar reuniram em Esmoriz, no parque de convívio da Paróquia, com a presença de D. António Francisco dos Santos, Bispo do Porto, e de D. António Augusto Azevedo. O Bispo-Auxiliar participará, em 25 de julho, feriado municipal, na Missa solene comemorativa de S. Cristóvão, Padroeiro de Ovar. 

TAU da Misericórdia na Ordem Franciscana de Ovar


“Passa pela cidade, por Jerusalém, e marca com um TAU a fronte dos homens que gemem e choram por todas as práticas abomináveis que se cometem” (Ezequiel 9, 1-7)

(O TAU é a mais antiga grafia em forma de cruz. O “T”, última letra do alfabeto hebraico, é o símbolo franciscano).

Comemorando os "800 Anos do Perdão de Assis" e inserindo-se ativamente neste "Ano da Misericórdia", o "TAU da Misericórdia" está a percorrer todas as regiões do país onde existem comunidades franciscanas, sejam elas da 1.ª, 2.ª ou 3.ª Ordens, ou Ordem Franciscana Secular.
Vindo de Gondomar, o Tau da Misericórdia chegou à nossa Paróquia em 6 de julho, pelas 19h, sendo recebido pelas fraternidades da Ordem Franciscana Secular de Ovar e São João da Madeira e pelas Irmãs Servas Franciscanas Reparadoras de Jesus Sacramentado, de S. Paio de Oleiros.



Após uma pequena introdução na casa da Ordem, os irmãos acompanhados pelo Frei Daniel Teixeira, OFM (diretor do Centro de Franciscanismo de Leiria) e com o Pároco local, Padre Manuel Pires Bastos, seguiram em procissão até à Igreja Matriz, onde foi celebrada a Eucaristia.




Foi um dia de vivência jubilar, em que os irmãos das diversas comunidades conviveram e partilharam o seu espírito franciscano. Fotos: David Tavares (JUFRA)


CLIQUE na gravura

15/07/16

Jornal ovarense JOÃO SEMANA - 15 JULHO 2016

NA CAPA:
- Dia do Padroeiro e do Município
- Crisma em Ovar
- Centro Escolar dos Combatentes de novo em obras
- Portugal Campeão da Europa em Futebol

NO INTERIOR:
- Festival de Folclore de Ovar 2016
- Rotary Club de Ovar tem novo presidente
- Catequistas em Pedrógão Grande
- Entrevista: Elsa Lé – Escritora e ilustradora
- Arada – uma geografia de artes e ofícios
- “Figuras típicas” – Horácio Lopes – O Piquica

14/07/16

Vida Eclesial

Património cultural da Igreja
 A Conferência Episcopal Por­tuguesa tem em marcha, desde 2005, projetos para proteger o património cultural da Igreja (igre­jas e capelas): imagens, pinturas, paramentos e objetos preciosos). Este património, que nos fala da fé dos nossos antepassados, vai sendo restaurado, e algum dele guardado e exposto em museus de arte sacra, a fim de ser preservado.
A Comissão de Infraestruturas da Diocese do Porto, atenta às di­versas componentes da Arte Sacra, a exemplo do que já fez em diversas zonas da Diocese, tem em vista fazer em breve o levantamento do património artístico das paróquias do concelho de Ovar, o que se regista com agrado.

Ordenações de Diáconos e Presbíteros
Na tarde de 10 de julho, na Sé do Porto, foram ordenados cinco presbí­teros e quatro diáconos.
Pertencem à Diocese do Porto os sacerdotes Diogo José Barbosa Pereira (Valongo), Filipe Gonçalo da Silva Azevedo (Fânzeres, Vila do Conde), Júlio Dinis Osório de Castro Taveira Lobo (Espinho), e Emanuel Dionísio Ramos (Vilar do Pinheiro, Vila do Conde), e os Diáconos Bruno Miguel Bulcão Ávila (Mafamude, V. N. Gaia), Fernando Gomes Perpétua Moreira (Sobrado, Castelo de Paiva), Marco Paulo dos Santos Alves (Medas, Gon­domar), pertencendo o diácono Cons­tantino António Epalanga (Angola), dos Missionários da Boa Nova.

Papa lembra genocídio
De 26 a 28 de junho, o Papa Fran­cisco visitou, na Arménia – o primeiro país cristão do mundo – o memorial dedicado aos mártires de genocídio (a grande carnificina ou tragédia do povo arménio) de centenas de milhares de ar­ménios e de outras etnias massacrados há cem anos pelo Império Otomano.

Madre Teresa de Calcutá
Visita à Índia
Um grupo de paroquianos e amigos de Ovar prepara-se para uma roma­gem até à Índia dos marajás, de S. Francisco Xavier e do mártir português São João de Brito (Goa) e de Madre Teresa de Calcutá, cuja canonização vai ter lugar em 4 de setembro em Roma, pouco depois do regresso desta viagem.

Madre Teresa de Calcutá
Ganxhe Bojaxhiu, a Madre Teresa, nasceu em Skpje (Macedónia), a 26 de agosto de 1910, no seio de uma família católica albanesa. A 25 de dezembro de 1928 partiu rumo à Irlanda para abraçar a vida religiosa, com o ideal de ser missionária na Índia, para onde foi enviada. Em Dajeerling, na casa da sua congregação, fundada por Mary Ward, escolheu o nome Teresa. Absorveu o estilo de vida bengali e transmitiu-o posteriormente às suas religiosas, quan­do fundou as Missionárias da Caridade, dedicadas a cuidar dos pobres da cidade de Calcutá, que em grande número morrem nas ruas todas as noites.
Rapidamente as Missionárias da Caridade, com o seu sari branco debru­ado a azul, chegaram a milhares em 95 países.

A futura santa, que veio três vezes a Portugal para acompanhar os pri­meiros passos da sua Congregação, faleceu em 5 de setembro de 1997, em Calcutá, aos 87 anos de idade, e foi beatificada por João Paulo II a 19 de outubro de 2003, depois de o Papa polaco ter autorizado que o processo decor­resse sem esperar pelos cinco anos após a morte exigidos pela lei canónica.

06/07/16

Novo altar da Igreja Matriz de Ovar

O ambão à espera do altar condizente
Está a decorrer uma campanha de angariação de verbas para a aquisi­ção do novo altar das celebrações da Igreja Matriz, em talha condizente com o artístico ambão recentemente instalado, e cujo custo orça os 6 mil euros.

Daqui apelamos a todos os ovarenses para que se solidarizem com esta campanha, assumindo-a como sua, entregando a sua con­tribuição se possível até 25 de julho, data em que está prevista a bênção ritual do altar pelo novo Bispo Auxiliar do Porto, D. António Augusto Azevedo.


05/07/16

Crisma 2016 em Ovar


Foi com enorme júbilo que em 3 de julho a zona sul da Vigararia Espinho/Ovar marcou encontro, uma vez mais, na Igreja Matriz de Ovar. O motivo foi, desta vez, para celebrar o Sacramento da Confirmação, ministrado pelo Senhor Bispo do Porto, D. António Francisco dos Santos, a 186 paroquianos, na sua maioria jovens que fizeram o percurso da catequese nas respetivas paróquias: S. João, S. Pedro e Cristóvão de Ovar, Válega, S. Vicente de Pereira, Arada e Maceda.


Em nome de toda a comunidade, o Pároco local agradeceu a presença do nosso Prelado, e convidou os crismandos a receberem com entusiasmo os dons que o Espírito Santo lhes ia conceder, tal como os concedeu, um dia, aos Apóstolos e a Maria no dia de Pentecostes, para robustecerem a Igreja de Cristo nesta região da ria.








O Senhor Bispo, na sua reflexão aos jovens confiou-lhes a tarefa de criarem um futuro melhor, agradecendo aos catequistas, aos pais e avós dos crismandos o seu testemunho de vida cristã.



Fotos: Jornalista Fernando Pinto

04/07/16

Santos do mês - Julho



4 de julho - Santa Isabel de Portugal (pormenor da imagem do respetivo andor, na Procissão dos Terceiros de Ovar)
Foto: Vítor Vaz


15 de julho - Nossa Senhora do Carmo (na capela-mor da Igreja Matriz de Ovar)
Foto de António Mendes Pinto


25 de julho - São Cristóvão, Padroeiro de Ovar (imagem do século XV, provinda da antiga Igreja de Ovar)
Foto: Fernando Pinto

26 de julho - São Joaquim e Santa Ana (Mestra), pais de Nossa Senhora (quadro do altar do Rosário da Igreja Matriz de Ovar). Clique AQUI para todo o altar (em estilo barroco)
Foto: Manuel Pires Bastos

01/07/16

Bispo D. António dos Santos ministra Crisma na Igreja Matriz de Ovar - 3 de julho de 2016



D. António Francisco dos Santos, Bispo do Porto, deslocar-se-á, em 3 de julho, a Ovar, onde dará o Sacramento da Confirmação a 186 crismandos, jovens e adultos, das Paróquias de Ovar (S. Cristóvão, São João e S. Pedro), e das de Arada, Válega, S. Vicente de Pereira e Maceda, em celebração solene que terá lugar na Igreja Matriz às 16h30.

Na foto: D. António dos Santos, em abril último, quando da visita da Imagem Peregrina a Ovar

30/06/16

Catequistas de Ovar em Pedrógão Grande

Pedrógão Grande, uma pequena vila do interior de Portugal, recebeu, no dia 19 de junho, um grupo de catequistas de Ovar, que assim corresponderam ao convite de uma colega da Paróquia, natural daquela terra situada no extremo noroeste do distrito de Leiria, quase no centro geográfico de Portugal (Vila de Rei).

Barragem do Cabril



Visitada a barragem do Cabril, e após uma breve caminhada, chegámos ao centro histórico, onde se salientam a pelourinho e a Igreja Matriz do século XVI, com traçado interior semelhante ao da Matriz de Ovar, e onde foi dado ao nosso Pároco o privilégio de presidir à Eucaristia das 11 horas.

Pelourinho e Igreja Matriz de Pedrógão Grande

Retábulo da Igreja Matriz de Pedrógão Grande.
Nossa Senhora e Apóstolos e Evangelistas, de João de Ruão (séc. XVI)


Imagem de Santo António (em pedra)


A Igreja Matriz possui preciosidades em talha, em imagens e em pinturas, sobressaindo obras de João de Ruão, grande Mestre de Coimbra, do século XVI, semelhantes às que pertenceram à antiga Igreja de Beduído (Estarreja), hoje na capela de Santa Bárbara. Há também ali algum espólio medieval que pertenceu a uns dos mais antigos conventos dominicanos, hoje propriedade particular.



Após o almoço e um agradável tempo de convívio no pátio do casal anfitrião, foi proporcionada a todos uma visita a alguns sítios de interesse patrimonial, a qual terminou com uma reparadora merenda. Eram cerca das 18 horas quando o autocarro retomou a marcha para reconduzir a Ovar o grupo dos servidores do setor da Catequese da Paróquia de Ovar, dispostos a enfrentarem mais um ano de trabalho.


Fotos: MPB

17/06/16

Vida Paroquial

Cursos de Cristandade




Via Sacra dos Cursos de Cristandade
Em 16 de junho, a Igreja Matriz de Ovar acolheu um numeroso grupo de cursistas, que quiseram fazer em Ovar a primeira ultreia de férias, despertando a boa vontade dos antigos cursilhistas vareiros. O padre Paulo, Passionista da Feira, presidiu quer à Via Sacra penitencial pelas intenções do cursilho que decorria na Casa de S. Paulo, em Cortegaça, quer à Eucaristia com que terminou a vigília.

Reunião mensal de Catequistas
A última reunião mensal de Catequistas foi de balanço e de avaliação do ano de trabalho, em que todos refletiram sobre os momentos mais positivos e os menos agradáveis, do itinerário catequético representado por um caminho em que cada um dos presentes se revia nos símbolos encontrados no percurso: nas flores, nas pedras e nos rebuçados.





Grupos Bíblicos
Em 22 de junho, no Instituto Jesus Maria José, Ovar, os Grupos Bíblicos das paróquias de Ovar, S. Vicente de Pereira e Arada, reuniram com a Irmã Rosa, das Religiosas Paulinas, do Porto, dinamizadora deste movimento, que procura promover o estudo dos textos bíblicos.
O encontro versou sobre o chamamento dos Apóstolos, a partir da leitura de um Evangelho de S. Lucas, que foi recriado e aprofundado através de representações cénicas e de reflexões feitas pelo Pároco de Ovar e pela Irmã Rosa.

Válega em Jubileu
A paróquia de Válega viveu a sua peregrinação do Jubileu do Ano da Misericórdia no passado sábado, dia 18 de junho, na Igreja Matriz de Ovar, com a chegada às 10h30 a esta Igreja Jubilar, onde decorreram os ritos celebrativos relacionados com a Porta, a Pia Batismal, a que se seguiram o confessionário, o altar, momentos da Profissão de Fé, das Indulgências e das obras de Misericórdia, terminando com a celebração da Missa, presidida pelo pároco, padre Fernando Carneiro, acompanhado pelo coro da Catequese da paróquia valeguense.





Cerca das 12h30, e como fora programado, os participantes dirigiram-se para o Parque Urbano, procurando, nas zonas verdes, um lugar para o almoço, estendendo sobre a relva os seus farneis. Tudo simples, natural e prático.